Westworld – Season 3

(Esta review contém alguns spoilers ligeiros para quem não viu as temporadas anteriores)

Westworld, uma das séries com maior potencial para preencher o nicho deixado por Game of Thrones na HBO está de volta com a sua terceira temporada. Mas como é que Westworld continuaria Continue reading “Westworld – Season 3”

Better Call Saul – Season 5

(Esta review contém ligeiros spoilers para as temporadas anteriores de Better Call Saul e também para Breaking Bad. Serão usados o mínimo possível e com o objectivo de contextualizar a review, especialmente em termos cronológicos e das personagens que são comuns a ambas as séries, ou exclusivas de Better Call Saul)

Temporada após temporada, Breaking Bad foi, ao contrário da esmagadora maioria das séries, ganhando cada vez mais força até à apoteótica temporada final, a quinta.

No preciso momento em que Better Call Saul completa o mesmo número de temporadas da série-mãe, cinco, seria que Vince Gilligan iria manter a sua capacidade para aumentar a intensidade e qualidade ao longo das séries que dirige Continue reading “Better Call Saul – Season 5”

The Plot Against America

Os co-autores de uma das séries mais aclamadas da história, The Wire, estão de volta. A nova proposta que a dupla formada por David Simon e Ed Burns nos trazia adaptava uma obra de Philip Roth, um dos autores mais influentes da literatura norte-americana dos últimos cinquenta anos ao pequeno ecrã, no formato de minissérie. Seriam Simon e Burns capazes de reeditar o sucesso de The Wire (e outras obras), ou estaria a dupla a perder parte da magia, em especial ao correrem alguns riscos ao enveredarem pela primeira vez pela via da adaptação do argumento em vez de o fazerem de raiz como em obras anteriores? Continue reading “The Plot Against America”

The Outsider

E eis que nos chega mais uma adaptação de uma obra do prolífico Stephen King, desta feita em formato de mini-série, com o selo de qualidade da HBO. The Outsider é o nome dessa aposta mais recente da HBO e o seu elenco prometia, contando com nomes como Ben Mendelsohn, Cynthia Erivo e Jason Bateman. Para além disso, os trailers prometiam um cheirinho a True Detective, mas com a mão do famoso escritor norte-americano, mais conhecido pelos seus romances de terror. A HBO raramente desaponta, mas o que sairia daqui? Continue reading “The Outsider”

Mr. Robot – Season 4

(A seguinte review contém alguns spoilers mínimos para as três primeiras temporadas de Mr. Robot, de modo a poder contextualizar o ponto onde nos encontramos no início da terceira temporada, sendo recomendado o visionamento da série desde o início na íntegra antes de avançar com a leitura)

Chegou a hora do adeus para uma das séries mais fascinantes da última década. Mr. Robot chega ao seu término na quarta temporada, cumprindo o desejo que eu tinha deixado no final da review à temporada anterior para que não se alongasse em demasia. Continue reading “Mr. Robot – Season 4”

Watchmen (2019)

Em 1987, Alan Moore e Dave Gibbons completavam um dos momentos mais marcantes da história dos comics, Watchmen. Amoral e existencialista, a obra escrita por Moore assentava principalmente na desconstrução da figura do super-herói, assinalando uma viragem no mundo dos comics, rumo a uma maturidade nunca antes vista (algo que também teve o contributo de Frank Miller e o seu tratamento de Batman, quase contemporaneamente). Duas décadas depois, Zack Snyder adaptou, de forma razoavelmente fiel, a obra ao cinema. Moderadamente bem recebida por fãs e críticos, a versão cinematográfica de Snyder pecava por alguns pecados de casting (em especial com Ozymandias e Silk Spectre II), mas brilhava no campo dos efeitos especiais e da estética. Continue reading “Watchmen (2019)”

The Handmaid’s Tale – Season Three

Caso se recordem de como acabei a review para a segunda temporada de The Handmaid’s Tale tinha ficado intrigado acerca do modo como iria a equipa de argumentistas descalçar a bota da situação criada no último episódio. Seria plausível a sequência da história de June e a sua luta para reunir a sua família, enquanto escapa às garras de Gilead? Ou começariam finalmente os argumentos a cair de qualidade e a suspensão de descrença passaria a entrar em acção numa das melhores séries dos últimos anos? Continue reading “The Handmaid’s Tale – Season Three”