Westworld – Season 3

(Esta review contém alguns spoilers ligeiros para quem não viu as temporadas anteriores)

Westworld, uma das séries com maior potencial para preencher o nicho deixado por Game of Thrones na HBO está de volta com a sua terceira temporada. Mas como é que Westworld continuaria Continue reading “Westworld – Season 3”

Devs

Alex Garland, o realizador e argumentista de dois dos mais interessantes filmes de ficção científica dos últimos anos (Ex Machina e Annihilation) está de regresso. Mas desta vez, Garland não nos traz um filme, mas sim uma série, ou se quisermos ser mais precisos, uma minissérie. Continue reading “Devs”

Better Call Saul – Season 5

(Esta review contém ligeiros spoilers para as temporadas anteriores de Better Call Saul e também para Breaking Bad. Serão usados o mínimo possível e com o objectivo de contextualizar a review, especialmente em termos cronológicos e das personagens que são comuns a ambas as séries, ou exclusivas de Better Call Saul)

Temporada após temporada, Breaking Bad foi, ao contrário da esmagadora maioria das séries, ganhando cada vez mais força até à apoteótica temporada final, a quinta.

No preciso momento em que Better Call Saul completa o mesmo número de temporadas da série-mãe, cinco, seria que Vince Gilligan iria manter a sua capacidade para aumentar a intensidade e qualidade ao longo das séries que dirige Continue reading “Better Call Saul – Season 5”

The Plot Against America

Os co-autores de uma das séries mais aclamadas da história, The Wire, estão de volta. A nova proposta que a dupla formada por David Simon e Ed Burns nos trazia adaptava uma obra de Philip Roth, um dos autores mais influentes da literatura norte-americana dos últimos cinquenta anos ao pequeno ecrã, no formato de minissérie. Seriam Simon e Burns capazes de reeditar o sucesso de The Wire (e outras obras), ou estaria a dupla a perder parte da magia, em especial ao correrem alguns riscos ao enveredarem pela primeira vez pela via da adaptação do argumento em vez de o fazerem de raiz como em obras anteriores? Continue reading “The Plot Against America”

The Invisible Man

A mais recente adaptação de The Invisible Man, o clássico de ficção científica e terror de H. G. Wells, teve uma breve, mas bem sucedida passagem pelos cinemas, mas a pandemia de coronavírus que grassa pelo mundo fez com que a Universal Pictures tivesse de encontrar alternativas para vender o seu produto. E foi assim que acabei a ver The Invisible Man no conforto do lar. Continue reading “The Invisible Man”

The Gentlemen

O mais recente filme de Guy Ritchie chegou aos cinemas. E com a chegada de The Gentlemen chegava também a promessa de um Ritchie de volta à sua melhor forma, depois de uma grande quantidade de tropeções e equívocos, dos quais se salientam King Arthur: Legend of the Sword na enésima adaptação da história do lendário rei britânico e também a versão live action de Alladin para a Disney. O elenco era forte e o enquadramento no submundo do crime britânico davam-me a expectativa de voltarmos a ter o Ritchie que desaparecera, em boa parte, vinte anos antes com o lançamento do filme que mais facilmente lhe associamos, Snatch. Mas seriam as expectativas correspondidas na prática? Ainda seria Guy Ritchie capaz de reproduzir o estilo de um filme com perto de duas décadas e fazê-lo funcionar em 2020? Continue reading “The Gentlemen”

The Outsider

E eis que nos chega mais uma adaptação de uma obra do prolífico Stephen King, desta feita em formato de mini-série, com o selo de qualidade da HBO. The Outsider é o nome dessa aposta mais recente da HBO e o seu elenco prometia, contando com nomes como Ben Mendelsohn, Cynthia Erivo e Jason Bateman. Para além disso, os trailers prometiam um cheirinho a True Detective, mas com a mão do famoso escritor norte-americano, mais conhecido pelos seus romances de terror. A HBO raramente desaponta, mas o que sairia daqui? Continue reading “The Outsider”